sexta-feira, abril 06, 2007

Ó senhor Cajuda, vamos oferecer-lhe o DVD do Rio Ave-V. Guimarães...

"Com a luta pela subida ao rubro, Manuel Cajuda falou de arbitragem e do... Rio Ave: "O primeiro golo do Rio Ave contra o Gil Vicente é fora-de-jogo e o primeiro com o Feirense também. Não tenho culpa, a televisão entrou-me pela casa. Era o que faltava estar em casa e não ver televisão. Não digo que foi culpa dos árbitros, são acontecimentos que, infelizmente, ainda não se verificaram para o nosso lado. Ainda não perdi com erros do árbitro, mas também não ganhei nenhum."
Manuel Cajuda precisa de desviar atenções do seu fracasso contra o Leixões, que comprometeu a subida vitoriana, e então decidiu meter-se com o Rio Ave. Teve azar. Não vamos fazer como Mariano Barreto, que disse ao senhor Cajuda que "um burro, por muitos anos que viva, nunca chega a cavalo de corrida". Apenas achamos que a direcção do Rio Ave deveria oferecer ao senhor Cajuda o DVD do Rio Ave-Vitória de Guimarães para esse senhor aprender o que é uma arbitragem habilidosa do primeiro ao último minuto. Em Vila do Conde, o árbitro Paulo Paraty assinalou dois penáltis inexistentes contra nós e ainda expulsou o Ricardo Jorge num lance que nem ocorreu dentro da área, como os próprios adeptos vimaranenses, que estavam mais perto da jogada, admitiram. O azar é que, ainda assim, o Rio Ave ganhou 5-3. Por isso, tentar confundir o mérito dos 15 jogos sem perder da nossa equipa com um eventual transporte ao colo que outros emblemas, esses sim, queriam para si, é apenas tentar tapar o sol com a peneira. Em Guimarães vamos dar-lhes a devida lição. As oportunidades que o Leixões teve, com especialistas em contra-ataque como os nossos, tinham sido duas ou três batatas bem assentes. Ninguém pode estar na primeira divisão por decreto. Há que mostrar mérito desportivo. É isso que o Rio Ave está a fazer. Com humildade e trabalho. Para o ano, lá estaremos. E você, senhor Cajuda, vai sofrer a quinta ou sexta chicotada psicológica consecutiva na sua carreira? Esperaremos para ver...

7 Comments:

Hugo Anjos disse...

O Oculista da Caxinas tem lá boas soluções para o problema do Manel Cajuda... Quando lá formos ganhar vai ser corrido à pedrada pelos próprios adeptos que agora lhe batem palmas. Quanto apostam?

Afonso Henriques disse...

depois do que disse este palhaço só posso dizer uma coisa a muito custo: FORÇA LEIXÕES.

Anónimo disse...

é como dizem kem fala a verdade é castigado

Anónimo disse...

uma coia é certa... o k ele disse é verdade...

Afonso Henriques disse...

golo do Rio Ave, marca Chidi. parece-me em fora de jogo. como está agora o cajuda?

socorro disse...

O Cajuda faz o papel dele. O Rio Ave tem que se limitar a jogar e a tentar ganhar os jogos. Se continuar a jogar com a personalidade que tem mantido nas últimas 16 jornadas, dificilmente não subiremos de divisão.
Não tenhamos dúvidas, fomos e somos a melhor equipa da Liga Vitalis.
Preparemo-nos para o jogo com o Trofense e não liguemos a tentativas de dessstabilização, venham elas de onde vierem: treinadores, dirigentes ou anónimos. A nossa união será a grande nossa força.

Anónimo disse...

Para quem postoe este texto concerteza que ontem foi um dia muito triste, por isso o melhor é ficares pensares no k dizes, ah pois é bébe! Força CAJUDA, força VITORIA!os meus sentimentos